Projeto prevê instalação de câmeras de monitoramento em escolas do Piauí

Foto: Reprodução / Internet

O projeto, que é parte do PRO Educação, foi apresentado ao Gov. Wellington Dias pelo secretário de Estado de Educação Ellen Gera e sua equipe técnica da Seduc , hoje (24).


Objetivando integralizar modernização, segurança e educação, o PRO Piauí chegou com intuito de modernizar tecnologicamente utilizando monitoração com câmeras, dando uma atenção direcionada à segurança do aluno, professor, funcionários e patrimônio.


O Governador declarou que este é um investimento que garantirá  que tenhamos a integração segurança e educação com o uso da tecnologia avançada. A High Vision, empresa que será responsável pelo monitoramento, já é uma parceira do Estado e que garante as condições dessa tecnologia avançada.


O secretário apontou ainda que esse melhoramento da infraestrutura das escolas pelo PRO Piauí, proporcionará a necessidade de assegurar tanto o patrimônio quanto a segurança dos alunos, professores e funcionários, e acrescentou que fará um conjunto de investimentos nas escolas na ordem de infraestrutura, mas também em equipamentos.


“Teremos mobílias e equipamentos novos, muita tecnologia em nossas escolas e tudo isso gera um patrimônio considerável que precisa ser zelado, a segurança é um ponto essencial nesse quesito do PRO Educação. A ideia é que o patrimônio da escola esteja seguro, mas principalmente seja ela segura para os estudantes e profissionais. Então, o objetivo é que tenhamos um monitoramento de segurança eletrônica proativo, de tal forma que qualquer incidente que ocorra na escola, a central de segurança seja acionada, deixando toda a comunidade educacional tranquila para o bom trabalho pedagógico”, enfatizou Ellen Gera.

Compartilhe:

Covid-19 adiará datas de provas do Enem de candidatos infectados

 


Foto: Reprodução/Internet
Inep propõe que candidatos à prova do Enem 2020 infectados com o novo coronavírus ou que apresentarem diagnósticos de alguma doença infectocontagiosa poderão fazer as provas  em datas posteriores.


Segundo Camilo Mussa, presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), em caso de contaminação o candidato deverá entrar em contato com a central de atendimento do Inep, por meio do número 0800-616161, para comunicar sobre a doença até um dia antes da realização da prova, que está agendada para todo país nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021, e em formato digital para 31 de janeiro e 7 de fevereiro.


O candidato que apresente contaminação deve registrar o problema anexando um laudo médico na página do participante. Em casos de deferimento, os estudantes poderão participar da reaplicação dos exames nos dias 23 e 24 de fevereiro de 2021.


A regra é válida também para outros tipos de doenças como coqueluche, difteria, doença invasiva por haemophilus influenza, doença meningocócica e outras meningites, varíola, influenza humana A e B, poliomielite, sarampo, rubéola e varicela.


Confira o cronograma:

Provas impressas: 17 a 24 de janeiro

Prova digital: 31 de janeiro e 7 de fevereiro

Reaplicação da prova: 23 e 24 de fevereiro

Resultados: a partir de 29 de março


Compartilhe:

Piauí alcança primeira colocação em acesso ao ensino superior no Nordeste

 


Foto: Reprodução / Internet
Entre os estados da região do Nordeste, o Piauí encontra-se em primeiro colocado quanto ao melhor percentual de matrículas no ensino superior, apontam dados do Anuário Brasileiro da Educação Básica 2020, com base em metas do Plano Nacional de Educação (PNE).



Em 2012, 14% dos jovens entre 18 e 24 anos estavam matriculados em uma graduação, em 2018 os dados subiram para 23,2%, crescendo 9,8 pontos percentuais. Em relação aos anos de 2018 e 2019, o estado piauiense manteve-se em alta com esses números, diferentemente dos outros estados que se mantiveram em queda.


A superintendente de Ensino Superior da Seduc, Maria de Lurdes Lopes afirma que este crescimento é reflexo dos investimentos realizados pelo Governo do Estado para reforçar o ingresso dos alunos oriundos da rede pública no ensino superior e que no último ano, dez mil alunos conquistaram vagas nas universidades públicas e privadas, seja pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), ou pelo Prouni, Fies, UAB e UAPI.


Ações como o Pré-Enem Seduc garantem ao aluno recém-saído do ensino médio a continuidade dos estudos para a inserção no ensino superior, oferecendo revisões na capital e interior do estado por meio de vídeo-conferências, lives, videoaulas, simulados e correções, realizadas pela plataforma Canal Educação nas escolas, via TV. A Seduc disponibiliza, ainda, o aplicativo para celular Canal Educação, em que os alunos assistem aulas gravadas e tiram dúvidas com professores.


O secretário de Estado da Educação, Ellen Gera aponta ainda que esta ação garantiu ao Piauí, pelo terceiro ano consecutivo, a menor taxa de ausentes no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) do Brasil, registrando 21,4% de abstenção no segundo domingo de provas, em 2019.


Compartilhe:

Consumo varejista cresce 9,9% no Piauí

 


Foto: Reprodução/Internet

Ao contrário do que se especulava em relação a uma tendência de desaceleração no consumo varejista, o estado piauiense teve, em relação às vendas, a segunda maior alta do país, no mês de outubro.

O crescimento de 9,9% do estado, que só perdeu para os 14,1% do estado paranaense, apresenta um índice superior à média de toda região Nordeste (1,3%) e também da nacional (0,2%).

Os dados foram observados pelo IGet, índice que calcula a movimentação de compras no varejo no país por meio de máquinas de cartão de crédito Getnet, desenvolvida pelo Banco Santander.

 Especialistas apontam que este bom desempenho é atribuído à injeção de dinheiro público a níveis estaduais e federais por meio do auxílio emergencial e a antecipação do 13º salário no mês de agosto.  O Piauí é estado que mais sentiu o impacto do econômico com o auxílio: mais de 1,3 milhões de pessoas receberam o benefício. Esse número representa 40% da população da unidade federativa.

 Em nível Brasil, o relatório do IGet aponta que as vendas em outubro tiveram leve alta de 0,2%. Depois de um movimento de aceleração das vendas até agosto, acima dos níveis do período pré-crise, setembro deu início a uma desaceleração e outubro reforçou essa trajetória. Já na comparação com outubro de 2019, o crescimento foi maior, de 6,6%.


Compartilhe:

Primeira sessão da Câmara de Paulistana pós-eleições contou com agradecimentos e acusações trocadas.

 

Foto: Marlon Torres

Após o término das campanhas eleitorais e com o fim das eleições municipais onde Joaquim da Farmácia (PSD) foi eleito prefeito da cidade de Paulistana, a primeira sessão da Câmara de Vereadores ocorreu nesta segunda(23) com discursos de agradecimentos e acusações trocadas por alguns vereadores.

Inicialmente, fazendo uso da palavra, o Vereador Osvaldo da Abelha Branca(PSD), iniciou seu discurso agradecendo a reeleição, pontuando ainda sobre o crescimento do setor agropecuário da região devido às fortes chuvas nos últimos dias, dificuldades da campanha como alienação do eleitorado por conta de compra de votos e o esvaziamento das sessões da câmara por parte dos vereadores no período eleitoral e da população de um modo geral. Além disso, como participante da elaboração do plano de governo do prefeito eleito, afirmou empenho em cobrar por cada ponto presente no documento.
Vereadores Osvaldo e Hélio Sousa

Na sequencia, o Vereador Hélio Sousa(PSD),reeleito para o 7º mandato como vereador na cidade, discursou sobre a sua vasta experiência no legislativo, e ainda afirmando sempre buscar diálogo e sabedoria para sua atuação enquanto vereador, incluindo também um ponto importantíssimo das eleições que é a compra de votos.    

A equipe de jornalismo da Rádio ingazeira entrevistou os dois vereadores após a sessão. Confira os áudios:

A sessão desenvolveu-se com discursos de agradecimento dos vereadores reeleitos Galeguinho de André(PSD) e Elias de Liberato(PSD) pelos votos recebidos e algumas trocas de acusações feitas pelo vereador reeleito Valdeci Arrais(MDB) e pelo vereador Zé de Dodô(PT), que não entrou para a corrida por uma vaga no legislativo da cidade para 2021.

Estiveram ausentes desta sessão, os vereadores José Neri(PSD) e Arnaldo de Amaro(MDB).

Compartilhe:

Após esposa sofrer assédio, marido atira em 4 pessoas em festa no Piauí.

 

Na noite desta sexta-feira (20), um homem efetuou disparos de arma de fogo contra quatro pessoas em uma festa em Pio IX, após a esposa sofrer um assédio. Uma das vítimas, uma mulher de 22 anos, foi atingida com um disparo na cabeça e segue internada em estado grave no Hospital Regional Justino Luz, em Picos.

A esposa do homem informou à polícia que um homem identificado como Francisco Pereira da Silva, tentou beijá-la á força, mas o marido interviu, momento em que iniciou a briga generalizada contra o marido. O grupo que estava na companhia de Francisco começou a agredi-lo, e em seguida o marido foi até em casa e armou-se. No local, atirou contra quatro pessoas: Francisco, dois amigos e a mulher citada.

A polícia informou que o suspeito que não possui autorização para porte de ama fugiu do local tomando rumo ignorado e ainda segue foragido. Os policiais seguem em diligências para prendê-lo.


Compartilhe:

Afinal de contas, qual a melhor vacina contra a Covid-19?

 

Mesmo com a pressa para a produção do imunizante contra a Covid-19, ainda não se tem um resposta comprovada para uso da população das que já estão em fases avançadas de testes. Ate agora, a Pfizer foi a primeira a concluir seus testes clínicos, com anúncio de eficácia de 95% feito em 18 de novembro.

Ao todo, dezenas de imunizantes estão em testes em humanos, proveniente de diferentes países e com o emprego de tecnologias distintas, sendo assim apresentam prós e contras que vão desde a produção à praticidade do armazenamento das doses.

Conheça os prós e os contras das quatro principais vacinas do mundo:







Compartilhe: